Toda empresa precisa de um contador?

Uma das dúvidas que muitas pessoas têm quando pensam em empreender ou em regularizar a atividade profissional é se toda empresa precisa de um contador.


Afinal, por que contratar um contador? Será que não dá para abrir uma empresa e cuidar sozinho das obrigações fiscais? Se você também tem essas dúvidas, continue a leitura e saiba mais sobre as exigências legais e sobre a importância de uma contabilidade profissional.


Será que toda empresa precisa de um contador?

Com exceção do Microempreendedor Individual (MEI), todas as empresas são obrigadas por lei a ter um contador. É esse profissional que responderá junto ao fisco pela contabilidade do seu empreendimento.


A exigência de um contador está descrita no art. 1.179 do Novo Código Civil (Lei 10.406/2002). Seja o sistema de contabilidade manual ou informatizado, toda a escrituração contábil deve ficar sob a responsabilidade de um contador, devidamente registrado no Conselho Regional de Contabilidade.


Na prática, o que faz o contador?

Se você está pensando em abrir um negócio, é muito importante que saiba que esse profissional é importante, não apenas para o cumprimento da legislação. Além de responder pela sua empresa junto ao fisco, ele pode ajudar você em questões fundamentais para o sucesso da sua atividade.


A seguir, conheça alguns dos principais motivos pelos quais você deve ter um contador.


1 – Definição do modelo de negócio

Na verdade, a importância da atuação do contador começa bem antes de você efetivamente abrir a sua empresa. Esse profissional pode auxiliá-lo na definição do modelo de negócio, fundamental para que você conheça os seus diferenciais competitivos e o ambiente de mercado no qual atuará.


Com um modelo de negócio bem definido, é bem mais fácil ter uma visão ampla dos prós e contras da atividade. Por outro lado, quem não desenvolve esse trabalho corre o risco de investir e, somente tempos depois, perceber pontos negativos que não foram identificados na fase pré-operacional da empresa.


2 – Abertura da empresa

O contador também tem um importante papel na abertura de um CNPJ. Além de auxiliar na correta definição do CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas), ele auxilia na condução do processo.


Quem já abriu uma empresa, sabe o quanto isso é burocrático, pois existem várias licenças legais necessárias para que se possa começar uma atividade. Nesse momento, um contador experiente agiliza o processo pois sabe exatamente quais as autorizações e procedimentos necessários, bem como a forma de obtê-los. Além disso, garante que você não venha a ter problemas ou mesmo multas por, eventualmente, desconhecer alguma autorização de funcionamento peculiar ao seu negócio.


3 – Informações para a gestão do negócio

Os relatórios gerados pela contabilidade não servem somente para atender a exigências legais. A análise de itens como fluxo de caixa, controle de contas a receber e de estoques, informações sobre clientes e fornecedores, tudo isso lhe permite criar as melhores estratégias para o seu negócio.


A comparação periódica desses dados permitirá identificar quais são as ações